Header Ads

Últimas Noticias

Reinicialização de O CLUBE DAS BABÁS é Encomendado Pela Netflix

CRÉDITO: SCHOLASTIC
A Netflix publicou uma encomenda direta para a dramédia live-action “The Baby-Sitters Club (O Clube das Babás)”, baseado na icônica série de livros Ann M. Martin, a Variety confirmou.

Os livros foram previamente adaptados para a TV em 1990 para uma temporada na HBO, e a Netflix diz que o novo show será uma versão contemporânea dos livros originais.

The Baby-Sitters Club (O Clube das Babás)” gira em torno de quatro personagens, Kristy Thomas, Mary Anne Spier, Claudia Kishi, Stacey McGill e Dawn Schafer, que retornarão ao cenário de uma pequena cidade de Stoneybrook, Connecticut, para a adaptação da Netflix. A série de Martin, publicada pela primeira vez em 1986, tem mais de 200 livros licenciados em mais de 20 territórios, com mais de 180 milhões de cópias vendidas até hoje.

A adaptação para a família vem da Walden Media e Michael De Luca, que será o produtor executivo, com o autor original Martin a bordo como produtor.

Eu me surpreendo que existam tantos fãs apaixonados de 'The Baby-Sitters Club' depois de todos esses anos, e estou honrado em continuar a ouvir os leitores - agora crescidos, que se tornaram escritores, editores, professores, bibliotecários , cineastas - que dizem que vêem um reflexo de si mesmos nos personagens de Kristy e seus amigos”, disse Martin. “Estou muito empolgado com a próxima série da Netflix, que espero que inspire uma nova geração de leitores e líderes em todos os lugares.

Lucy Kitada, da De Luca Productions, também atuará como produtora executiva. Rachel Shukert atuará como showrunner e Lucia Aniello atuará como diretora e produtora executiva. Naia Cucukov, da Walden Media, vai produzir.

Os temas do The Baby-Sitters Club ainda ressoam 30 anos depois que a série de livros original foi lançada e nunca houve um momento mais oportuno para contar uma história aspiracional sobre empoderamento de jovens empresárias”, disse Melissa Cobb, vice-presidente da Kids & Family. na Netflix. “Juntamente com Ann M. Martin e a equipe da Walden Media, nossa ambição é contemporizar as histórias e aventuras desse grupo icônico de namoradas para refletir os problemas modernos.

Além de tocar em syndication na Nickelodeon e Disney Channel, “BSC” também foi adaptado para o cinema em 1995. A versão cinematográfica foi estrelada por Rachael Leigh Cook, Larisa Oleynik e Schuyler Fisk.

Nenhum comentário